MMO de zumbis acabou resultando em milhares de pedidos de reembolso na Steam

The Day Before era o título de zumbis mais aguardado do ano.

O lançamento tumultuado de The Day Before, como mencionamos em um outro artigo, marcou um capítulo sombrio para a Fntastic, o estúdio responsável pelo jogo, que mais tarde declarou falência. 

Seu lançamento em acesso antecipado em 7 de dezembro, foi completamente catastrófico. O título rapidamente se viu envolto em uma tempestade de críticas negativas na Steam, culminando em um dos maiores fracassos do ano, recheado até mesmo de pedidos de reembolso.

The Day Before e a sua recepção Caótica na Steam

Em questão de horas após o lançamento, The Day Before se viu afogado em críticas negativas de jogadores insatisfeitos.

Veja também: Novo jogo derivado das HQ’s da Marvel está a caminho

O acesso antecipado, que geralmente é um período crucial para coletar feedback construtivo, transformou-se em uma arena de descontentamento, resultando em um desastre financeiro iminente para a Fntastic.

As críticas, muitas delas apontando para problemas técnicos, bugs, e expectativas não atendidas, rapidamente se acumularam na página do jogo na Steam

A comunidade de jogadores, notoriamente exigente, não hesitou em expressar sua insatisfação, transformando The Day Before, que era para proporcionar uma experiência diferenciada e única, em um dos lançamentos mais problemáticos do ano.

O desespero financeiro da Fntastic

Em uma reviravolta dramática, um ex-desenvolvedor do projeto revelou em entrevista ao DualShockers que mais da metade dos jogadores que adquiriram o jogo já solicitaram reembolso. 

As imagens de uma mensagem postada por Eduard Gotovtsev, um dos líderes do estúdio, foram confirmadas como autênticas. O título, embora tenha vendido 200 mil cópias, enfrentou um tsunami de mais de 90 mil pedidos de reembolso.

Essa situação representa não apenas um golpe financeiro para a Fntastic, o que pode ter ocasionado em sua falência, mas também uma mancha em sua reputação. 

O lançamento conturbado de The Day Before levanta questões sobre a qualidade do controle de qualidade do jogo e a gestão das expectativas dos jogadores.

The day before
Imagem: Divulgação

O caso da desenvolvedora serve como um lembrete contundente de que, em uma indústria tão competitiva, o lançamento prematuro de um jogo pode resultar em consequências desastrosas. 

O acesso antecipado, concebido para aprimorar o produto final, tornou-se, neste caso, uma vitrine para as falhas e frustrações dos jogadores.

Lembre-se, com a falência da desenvolvedora, o futuro de The Day Before permanece incerto, mas, com sorte, este episódio servirá como uma lição valiosa para todos, desde desenvolvedores e editores, até os usuários da Steam que correram para comprar o jogo na pré-venda, pensando que ele estaria na medida certa para proporcionar diversão.

Quer acompanhar mais notícias nerds incríveis como essa?

Não deixe de acessar diariamente o Falando com Nerds.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept